Rejuvenescimento Íntimo.

Procedimento // Rejuvenescimento Íntimo

Rejuvenescimento íntimo: o que é?

Rejuvenescimento íntimo é uma associação de diversos procedimentos que podem ser realizados com objetivos, médicos ou estéticos, sempre visando melhorar a parte funcional da vagina, vulva, grandes lábios, pequenos lábios e região perianal.

rejuvenescimento íntimo teve início para tratamento da atrofia e secura vaginal na menopausa, especialmente para aquelas mulheres que não querem ou não podem utilizar hormônios. Este tratamento ganhou grande aderência das pacientes com o surgimento dos aparelhos de laser e radiofrequência.

Atualmente o rejuvenescimento íntimo tem ajudado nas principais mudanças do corpo feminino ao longo da vida, isso ocorre porque a vagina perde a elasticidade e firmeza. Isso faz com que as mulheres sofram com problemas como incontinência urinária leve, ressecamento da região, dor durante a relação sexual, entre outros efeitos.

Rejuvenescimento íntimo: Quais são as técnicas que podem ser utilizadas?

  • Laser vaginal e vulvar;
  • Radiofrequência vaginal e vulvar
  • Terapia de reposição hormonal;
  • Cirurgias como a ninfoplastia;
  • Peeling para clareamento íntimo;
  • Preenchimento de grandes lábios.
  • Fisioterapia pélvica e exercícios de pompoarismo.

Rejuvenescimento íntimo: Por que fazer?

Sabemos que o corpo começa a diminuir o colágeno, inclusive na região íntima (vagina e vulva). Isso se inicia por volta dos 30 anos, sendo mais evidente no período de climatério e menopausa, devido a diminuição do estrogênio.

Principais indicações:

  • Falta de lubrificação na vagina;
  • Pele da vagina fina e frágil;
  • Dor na relação sexual (profundidade e no vaginismo);
  • Ardência ou coceira na vagina;
  • Aumento da libido e da satisfação sexual;
  • Mudança no PH da vagina favorecendo o corrimento;
  • Incontinência urinária leve;
  • Aumento da frequência urinária;
  • Urgência miccional;
  • Infecção urinária de repetição;
  • Assimetria de pequenos lábios;
  • Hipertrofia de pequenos lábios;
  • Clareamento da região vulvar perianal e virilha.
  • Aumento da autoestima;
  • Satisfação com o próprio corpo.

Rejuvenescimento íntimo: Onde fazer?

O procedimento deve ser feito por médicos ginecologistas e pode ser realizado no próprio consultório do profissional.

Inicialmente é feita a higienização do local e a aplicação de um anestésico tópico. O tempo do procedimento é em média de 15 a 30 minutos e pode ser repetido mensalmente, de acordo com a orientação médica.

A recuperação é imediata e a paciente pode retornar às suas atividades habituais no mesmo dia.

Rejuvenescimento íntimo antes e depois

O conselho federal de medicina não permite a divulgação de imagens antes e depois dos tratamentos.

No consultório eu também não fotografo a região íntima das minhas pacientes e se você quiser acompanhar o seu tratamento, recomendo que você mesmo se fotografe.

Isto pode te ajudar no reconhecimento do seu corpo e na percepção positiva do tratamento.

Rejuvenescimento íntimo: quais os tipos de tratamento?

  • Radiofrequência;
  • Laser de CO2;
  • Laser erbium (FOTONA).

Eles atuam na estimulação da produção de colágeno, melhorando a tonicidade e textura da parede, ajudam na regeneração da parede vaginal, tratam o ressecamento e a incontinência urinária de esforço entre outras.

Rejuvenescimento íntimo: Laser vaginal e vulvar.

Sabe-se que a aplicação do laser, leva a uma transformação da pele por um dano térmico controlado no local, sendo este dano o estimulador da produção de colágeno e vasos sanguíneo no local desejado.

Existem dois tipos de laser em ginecologia, sendo os mais utilizados:

  • Laser de CO2;
  • Laser de Erbium.

Por serem muito eficientes e apresentarem ótimos resultados, ambos os tipos de laser são muito efetivos. O laser de Erbium (FOTONA) tem suas vantagens em relação ao laser de CO2 pois causa menos desconforto durante os procedimentos e menor chance de hiperpigmentação.

laser FOTONA é o melhor laser para tratamentos ginecológicos e, por este motivo é o Laser que eu tenho utilizado no consultório.

Rejuvenescimento íntimo: Radiofrequência vaginal e vulvar.

Muito semelhante ao laser, a radiofrequência também promove um dano térmico controlado e estimular o surgimento de vasos sanguíneos e colágeno, mas este efeito é conseguido através de energia eletromagnética.

Rejuvenescimento íntimo: principais indicações

Dentre as indicações descritas acima, as principais indicações que apresentam excelentes resultados são:

  • Síndrome urogenital
  • Período pós-parto
  • Após cirurgia bariátrica
  • Após tratamento de câncer de mama

Rejuvenescimento íntimo para síndrome urogenital

A falta de hormônios na menopausa, principalmente o estrogênio, é um dos fatores mais importantes para o desenvolvimento da síndrome urogenital.

Esta é uma indicação excelente para os procedimentos de laser e radiofrequência.

A síndrome urogenital tem como sintomas principais a vagina seca, dor na relação sexual, incontinência urinária leve e urgência miccional.

O tratamento com laser vaginal e a radiofrequência têm ótimo resultado para o tratamento dos sintomas, apresentando eficácia de cerca de 80-90% de melhora.

Rejuvenescimento íntimo no período pós-parto

Grandes mudanças no corpo durante a gestação e puerpério são sentidas pelas mulheres, isto se deve a uma diminuição relativa do estrogênio, causando sintomas como a falta de lubrificação e a frouxidão vaginal.

rejuvenescimento íntimo com o laser e a radiofrequência estão indicados nestes casos com ótimos resultados. Também complementar a isto podemos fazer fisioterapia e exercícios de pompoarismo.

Com o tratamento de rejuvenescimento íntimo, espera-se que ocorra melhora da força dos músculos do assoalho pélvico, aumento da lubrificação da vagina e melhora da cicatrização do canal vaginal.

O tratamento com laser e a radiofrequência podem ser realizados a partir de 40 dias depois do parto.

Rejuvenescimento íntimo após cirurgia bariátrica

A grande perda de peso que ocorre após a cirurgia bariátrica traz grandes benefícios, mas pode trazer alterações da massa muscular e do colágeno, não sendo infrequente as alterações na região genital.

rejuvenescimento íntimo tem resultados excelentes para melhorar o tônus da vagina e da vulva nas mulheres que perderam muito peso.

Rejuvenescimento íntimo após tratamento de câncer de mama

rejuvenescimento íntimo traz excelentes resultados para as pacientes em tratamento de quimioterapia ou com histórico de câncer de mama.

As pacientes que não podem fazer uso de tratamento hormonal local ou sistêmico, devido ao estrogênio, pelo risco de recorrência de câncer de mama, e que apresentam sintomas como vagina seca, dor na relação sexual, incontinência urinária leve e urgência miccional tem grandes benefícios com o tratamento com laser ou radiofrequência.

Rejuvenescimento íntimo: Qual é melhor laser ou radiofrequência?

Inúmeros estudos científicos demostram que tanto o laser como a radiofrequência são muito eficazes para a melhora dos sintomas, sendo grande parte dos estudos realizados com o laser.

Existem mais evidências científicas sobre os resultados do laser, além da maior versatilidade para associação com outros procedimentos, como o clareamento íntimo, que pode ser realizado em conjunto na mesma sessão, quando se utiliza o laser.

Rejuvenescimento íntimo: Preparo para o procedimento de laser e radiofrequência.

  • Exame ginecológico (Papanicolau) recente e normal;
  • Realização de HPV vulvar com resultado negativo;
  • Se história positiva de herpes genital, realizar profilaxia medicamentosa;
  • Depilação entre 3 e 5 dias antes do procedimento;
  • Realizar fora do período menstrual;

Contraindicação para o tratamento

  • Exame ginecológico (Papanicolau) alterado;
  • Presença de infecção ativa por HPV, seja no colo ou na vulva;
  • Gravidez;
  • Usuária de marcapasso;

Depois do tratamento

Após o rejuvenescimento íntimo, observa-se discreto vermelhidão na região externa da genitália, sendo que entre 2 e 3 dias pode formar pequenas casquinhas, que desaparecem sem marcas entre o 5° e 6° dia.

Os resultados começam a aparecer cerca de 15 dias, não deixando nenhuma cicatriz após o procedimento.

Para o efeito desejado, o rejuvenescimento íntimo deve ser feito em 3 ou mais aplicações, mas também pode ser necessário 1 sessão de manutenção uma vez por ano.

Peeling

No rejuvenescimento íntimo, podemos utilizar o tratamento com peeling para clareamento da região vulvar, região perianal e virilhas.

rejuvenescimento íntimo com o uso de peeling estimula a renovação das células da pele por meio de uma descamação controlada, sendo feito com o uso de enzimas ou ácidos.

O peeling enzimático tem resultados mais demorados, mas seu uso não apresentas risco de hiperpigmentação rebote, como acontece com os ácidos.

O laser e a radiofrequência também podem ser utilizados como alternativas ou em associação para o clareamento íntimo

Preenchimento

Atualmente, é possível realizar o rejuvenescimento íntimo com o uso de preenchedores na região dos grandes lábios.

O procedimento é realizado com ácido hialurônico, mas este preenchedor pode ser absorvido com o tempo, sendo que seus efeitos podem durar por cerca de um ano.

O procedimento deve ser realizado por um médico, seja o ginecologista ou o dermatologista.

Depois do preenchimento, recomenda-se evitar a atividade sexual e massagear o local por dois ou três minutos nas primeiras 72 horas para um efeito mais uniforme.

Fisioterapia e exercícios de pompoarismo.

O grande aliado do rejuvenescimento íntimo são a fisioterapia e os exercícios de pompoarismo. Estes exercícios são muito importantes pois trazem benefícios para melhorar a sensibilidade da vagina e aumentar o controle da musculatura pélvica.

O treinamento da musculatura do assoalho pélvico ajuda no controle para relaxamento e contração, fortalecendo a musculatura perineal.

Todos os tratamentos, tanto o laser ou radiofrequência quanto a fisioterapia, são muito importantes para a saúde da região genital e, em conjunto, eles promovem melhor qualidade de vida para as mulheres.

Newsletter.